Belo Horizonte BH

Parque Municipal será reaberto na próxima quinta-feira, dia 2

Por Redação

30/11/2021 às 08:30:37 - Atualizado há
Foto: Vander Bras

O Parque Municipal Américo Renné Giannetti será reaberto ao público a partir da próxima quinta-feira, dia 2. A área permanecia fechada devido ao diagnóstico de morcegos (Artibeus lituratus) com raiva, indicando a circulação do vírus rábico no local, onde coexistem, de forma abundante, mamíferos silvestres e domésticos, notadamente gatos. Na segunda-feira, dia 6, também será reaberto o Teatro Francisco Nunes, localizado dentro do Parque, com programação da 11ª edição do Festival de Arte Negra de Belo Horizonte (FAN BH).

O funcionamento do Parque Municipal será de terça-feira a domingo, das 8h às 18h (com entrada permitida até as 17h). Tendo em vista a necessidade de atendimento às recomendações da Secretaria Municipal de Saúde, por se tratar de área central e com grande fluxo de público, será necessário, ainda que de forma transitória, o agendamento prévio para visitas.

Além disso, buscando garantir melhor infraestrutura aos visitantes, o parque está passando por algumas obras. Os serviços incluem a recuperação e implantação de pista de caminhada, rota acessível, recuperação de passeios internos e meio-fio. Dessa forma, é importante que os visitantes fiquem atentos para as informações no processo de agendamento e tenham cuidado ao circular.

Para acesso, permanecem valendo as orientações do uso obrigatório da máscara cobrindo nariz e boca, bem como a manutenção do distanciamento entre pessoas e higienização frequente das mãos.

Agendamento de visitas

Os ingressos, gratuitos, para visitas ao Parque Municipal serão disponibilizados de uma só vez, nas segundas-feiras, às 8h, em www.pbh.gov.br/parquesezoobotanica, no menu "agendamento de visitas/parques". Desta forma, será possível escolher a melhor data durante toda a semana.

Para aqueles que não conseguirem realizar o agendamento, há a possibilidade do ingresso de lote extra, cota lançada nos dias de funcionamento das unidades, sempre às 9h, com base nas desistências (número médio de pessoas que agenda e não comparece).

Exigência de imunização contra febre amarela

Assim como em outros parques da cidade, também será exigida a vacinação contra a febre amarela. Caso o visitante não esteja com o comprovante, deverá preencher uma declaração, disponibilizada pelo parque, de que já se encontra imunizado (vacinado há, pelo menos, 10 dias). Essa declaração também poderá ser feita no processo de agendamento.

Menores de 9 meses, por não poderem ser imunizados contra a doença, não podem acessar o parque.

Trabalho de vacinação e monitoramento da raiva no parque

Neste ano, foram encontrados morcegos positivos para a raiva no Parque Municipal. Por se tratar de uma doença com letalidade de praticamente 100% dos acometidos, a Secretaria Municipal de Saúde realizou a aplicação da primeira dose e/ou reforço da vacinação antirrábica em todos os felinos do local. Após a imunização, foi necessário manter a área fechada para monitoramento.

A circulação do vírus da raiva é mantida sob vigilância sistemática pela Secretaria Municipal de Saúde. Em 2021, foram diagnosticados 21 morcegos positivos para a raiva em Belo Horizonte. Até o momento, não foi identificado nenhum outro animal com a doença.

A vigilância da circulação do vírus da raiva é feita mediante análise dos morcegos identificados com comportamento anormal, ou seja, que estejam caídos no chão, vivos ou mortos; pendurados em paredes, em troncos de árvores, janelas ou em locais de baixa altura, entre outros.

Sempre que é feito o recolhimento dos morcegos é realizada também ações de prevenção e bloqueio no raio de 300 metros de onde foi encontrado o animal, para evitar possíveis intercorrências. Os agentes de zoonoses repassam orientações para a população quanto aos cuidados para evitar a presença dos morcegos nas residências e é feita a verificação vacinal dos animais domésticos. Os que não foram imunizados, recebem a vacina contra raiva.

Em caso de identificação de um morcego com comportamento anormal, a população não deve tocar ou tentar remover o animal e deve acionar imediatamente os serviços de zoonoses da capital, para que uma equipe seja enviada ao local para fazer o recolhimento de forma adequada. Os telefones são 3277-7411/3277-7413/ 3277-7414 ou ainda pelo 156. No agendamento, o visitante receberá recomendações educativas importantes sobre a raiva para as quais deverá dar ciência antes de concluir o processo.

Teatro Francisco Nunes

Com o fechamento do Parque Municipal Américo Renné Giannetti, o Teatro Francisco Nunes também havia sido fechado para acompanhar as diretrizes de funcionamento do espaço e garantir a segurança do público. Dessa forma, o Teatro Francisco Nunes reabre no dia 6, seguindo todos os protocolos sanitários vigentes de combate à covid-19, com atrações do FAN BH. A programação é gratuita, com retirada prévia de ingressos. Mais informações e a programação completa serão disponibilizadas em breve no site oficial do Festival: fan.pbh.gov.br. Além da retirada de ingressos, o público deverá seguir as diretrizes de funcionamento do Parque, ou seja, apresentação do cartão de vacinação da covid-19, e seguir às informações acima referentes à febre amarela.

Serviço:

Parque Municipal Américo Renné Giannetti

Avenida Afonso Pena, 1.377 – Centro
Funcionamento: de terça-feira a domingo, das 8h às 18h (entrada permitida até as 17h) - Acesso gratuito ao espaço com agendamento prévio

Teatro Francisco Nunes
Funcionamento das 9h às 22h, conforme programação do equipamento cultural, que pode ser acompanhada pelo portalbelohorizonte.com.br. Após o fechamento do Parque, o acesso ao teatro é feito exclusivamente pela guarita localizada à Avenida Afonso Pena, em frente ao prédio da Prefeitura.

Comunicar erro
Dia a Dia Notícias

© 2022 Copyright © 2022 - Dia a Dia Notícias. Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Dia a Dia Notícias