Mariana Causa Animal

Abril Laranja: cerimônia para homenagear protetores e voluntários da causa animal deixou o Jardim de Mariana repleto de emoções

Por Redação

12/05/2022 às 13:29:52 - Atualizado há
Foto: Maria Fernanda Viana

Na última sexta-feira (29), a fim de memorar o Abril Laranja, mês da prevenção contra a crueldade animal, a Prefeitura de Mariana realizou, na Praça Gomes Freire, uma cerimônia simbólica para homenagear as pessoas do município que, de alguma forma, estão sempre participando e defendendo a causa animal. O evento teve como objetivo propor um reconhecimento do poder público com as ações executadas pelos apoiadores da causa, ações que ocorrem diariamente por completa solidariedade e empatia com os animais.

Os homenageados, Juliano Magno Barbosa, Daisy Aparecida Nepomuceno de Oliveira, Polyana Daher dos Santos Silva Almeida Costa, Emanuelle Reis Andrade, Deivson Arlindo de Souza, Ana Paula Lourenço, Gina Ferreira, Ricardo Miranda, Suely Oliveira, Luciana Sales, Wellington Ramos e Raissa Alvarenga foram convidados a levarem seus animais para participarem do encontro, e os protagonistas da ação tomaram conta da praça chamando a atenção com o carinho que atribuíam aos seus tutores.

Polyana Daher, protetora animal, voluntária da ONG Instituto de Defesa dos Direitos dos Animais (IDDA) e ativa no Conselho Animal compartilhou sobre como funciona o apoio à causa. "Nós procuramos dar voz a esses animais, por tudo que eles precisam, das mazelas que eles se encontram. O município, graças a Deus, evoluiu muito, é um município que abraça a causa. Nós, enquanto voluntários, estamos sempre envolvidos nas questões que são de mobilização para mutirão de castração, de vacinação e as políticas públicas, nós sempre estamos discutindo, criando projetos e buscando melhorias e crescimento para fortalecer", ressaltou.

Além disso, Polyana acrescentou como eventos como o que ocorria são importantes! "Dá um gás para os voluntários e protetores, porque são pessoas que têm rotinas normais, trabalham, estudam e têm família e se dedicam por amor, da forma que cada qual pode contribuir, mas é por amor, é inteiramente voluntário. Então esse reconhecimento serve de impulso para mostrar que estamos no caminho certo e que não podemos parar", declarou.

A protetora mirim, Emanuelle Reis, emocionou a todos no momento de sua homenagem. Com apenas 9 anos, também voluntária da ONG IDDA, deixou, com lágrimas nos olhos, o seu apelo: "É muito triste você ver um animalzinho na rua, sem teto, você ver ele sem comida e sem água. Então, por favor, não abandonem, porque é muito triste, e se fosse você no lugar dele, você não iria gostar nada". O Jardim de Mariana foi tomado pela emoção!

Comunicar erro
Dia a Dia Notícias

© 2022 Copyright © 2022 - Dia a Dia Notícias. Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Dia a Dia Notícias